Com reestruturação, remuneração da PRF pode ultrapassar os R$ 16 mil


Com a reestruturação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) prevista para esse ano, a remuneração pode passar de R$ 9.899,88 para  R$ 16.552,34 mensais.

O reajuste faz parte do pedido de reestruturação demandada pela federação que representa os servidores da PRF e  foi entregue pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, ao presidente Bolsonaro, no ano passado.

A medida contempla também a Polícia Federal e o Departamento Penitenciário Nacional (Depen). Ao todo, foram “separados” R$ 1,7 bilhões no Orçamento de 2022 para essa finalidade.

O pedido de reestruturação da PRF ainda prevê outras alterações como, nomenclatura, aumento dos níveis para o fim de carreira, e atribuições legais. 

Atualmente, a PRF tem a pior tabela salarial de gestão dentro do Executivo. 

No ano passado, o presidente Jair Bolsonaro sinalizou a confirmação da reestruturação da PRF. 

Apesar de especulações e de declarações  que o que presidente poderia voltar atrás na decisão, o presidente da FenaPRF, afirma que não houve, ainda, conversas com o governo em 2022 para falar sobre as demandas da categoria ou sobre os reajustes.


O descumprimento das promessas de Bolsonaro, segundo o presidente da FenaPRF, poderia gerar um caos na instituição. Contudo, em declarações recentes ele 

afirma que o momento é de crer que o governo Bolsonaro vai honrar com seu compromisso, com o fortalecimento e a valorização da segurança pública.

O novo edital da PRF está previsto para 2023. 

Para que você saia na frente da concorrência, a RB Carreiras Policiais traz a REVOLUÇÃO DOS ESTUDOS para carreiras policiais federais. Conheça o método R.B 2.0. Novos ciclos e alta performance. 



Comentários

Postagens mais visitadas